sexta-feira, 26 de outubro de 2007

Marmelada

Um dia destes em plenas compras, na secção da fruta, olhei para uns marmelos que se riam para mim, como se dissessem levem-me, claro que eu defensora dos pobres e oprimidos, lá os tirei, coloquei-os num saco e trouxe-os para a confusão do meu lar.
Já no lar, o duarte dizia: "- Já sei o que lhes vai acontecer! Vão apodrecer coitadinhos!"

Pois enganou-se redondamente.

Pesquisa atrás de pesquisa "O que fazer com marmelos?", lá encontrei várias formas de confeccionar marmelada e com os restos fazer geleia. Cada pessoa com quem falei e cada receita que li explicava diversas formas de fazer marmelada (algumas bastantes complicadas).

Ontem decidi que era altura, lá fui um pouco inventando, confesso que é difícil, cortar os marmelos mas após 3 horas de muita dedicação e amor, voilá "eis a bela marmelada" e ficou "clarinha" (pois nas conversas que tive, apercebi-me que é difícil fazer marmelada clarinha - mas a minha ficou).
Enquanto fazia a marmelada, tb comecei a fazer a geleia, bastante mais morosa, comecei às 17h e só acabei às 22h, parece incrível mas são 5 horas. Deixando de lado o "convencionismo" a geleia está soberba, um espectáculo, simplesmente irresistível.

Já sei quais as prendas deste ano natalício: Marmeladas e Geleias da fi. Preparem-se para a engorda.

4 comentários:

duARTEE disse...

para a proxima quero lá fazer lá marmelada contigo

analuE disse...

tu queres é marmelada!

neorui disse...

receita...receita...

fi disse...

1 - descascar os marmelos, tirar os caro�os (guardar os caro�os e algumas cascas bem lavadas).
2 - Colocar cerca de 1 kg de marmelos (preparados) num tacho com 1 dl de �gua, lume baixo e ir desfazendo os marmelos.
3 - Quando estirem + ou - desfeitos, juntar 1 kg de a�car. Mexer
4 - triturar tudo muito bem, volar ao lume at� ao ponto desejado.

1 - Geleia - Colocar os caro�os e cascas ao lume com �gua (a cobrir).
2 - Lume baixinho, ir mexendo e ver at� come�ar a engrossar.
3 - escoar o liquido (+ ou - espesso)juntar cerca de 800g de acu�ar por cada litro de liquido adquirido.
4 - voltar ao lume at� ao ponto desejado.
voil�